O Certificado Nacional de Imunização contra a Covid–19 é um documento que comprova a vacinação do cidadão, seja com uma ou duas doses, e pode ser obtido através da plataforma digital Conecte–SUS (disponível na web ou em um aplicativo para iOS e Android). Por meio da ferramenta, o usuário consulta o tipo de vacina aplicada, o lote de fabricação e a data em que cada dose foi aplicada.

A ideia é que os imunizados contra a Covid–19 e outras doenças tenham o certificado com os dados da vacinação no celular, assim facilitando o controle das viagens.

O certificado, contudo, não tem validade internacional, ficando a critério de cada país decidir sobre sua aceitação. 

Nações como Irlanda, França e Finlândia, por exemplo, estão recebendo turistas vacinados contra a Covid–19 vindos do Brasil e, na hora do ingresso, exigem o comprovante.

Abaixo, você confere um passo a passo sobre como obter o certificado de vacinação contra a Covid–19 através da plataforma Conecte SUS.

Como emitir o comprovante de vacinação pelo Conecte SUS

aplicativo conecte sus mcamgo abr 300720211818 2 - Conecte SUS: como obter o certificado de vacinação contra a covid
Aplicativo Conecte SUS – Marcelo Camargo/Agência Brasil

É possível obter o certificado em três idiomas: português, inglês e espanhol. Além disso, o documento conta ainda com um QR Code para validação de dados, algo bem importante, já que alguns países o exigem para aceitação do comprovante.

O acesso à plataforma é feito através da sua conta gov.br, a plataforma do governo federal que facilita a identificação do cidadão em todos os serviços públicos digitais. Já funciona assim para obter a Carteira de Trabalho Digital, por exemplo (clique aqui para saber mais sobre a plataforma).


Passo a passo de como obter o certificado de vacinação contra a Covid–19

1 – Baixe o aplicativo Conecte SUS na loja de aplicativos do seu celular. O App está disponível nas plataformas Android e iOS. Mas você também pode obter o certificado através desse link.

2 – Depois de baixar o aplicativo e preencher o seu cadastro, emitir o certificado é bem simples. Após logar, na tela de início clique em “vacinas” e já será possível visualizar os dados da sua vacinação contra a Covid–19.

WhatsApp Image 2021 08 17 at 10.25.37 576x1024 - Conecte SUS: como obter o certificado de vacinação contra a covid
O certificado de vacinação contra a Covid–19 pode ser obtido através da plataforma Conecte SUS.

3 – Na parte inferior da página você também encontrará o botão “Carteira Digital de Vacinação”. Clique nele e automaticamente será gerado um documento com as informações do cidadão e das vacinas aplicadas, além de um QR Code que poderá ser utilizado pelas autoridades competentes para validar o documento.

WhatsApp Image 2021 08 17 at 10.25.37 1 - Conecte SUS: como obter o certificado de vacinação contra a covid

4 – O arquivo gerado pode ser exportado por email ou salvo no celular, basta clicar no ícone “PDF” localizado no canto superior direito desta tela.

WhatsApp Image 2021 08 17 at 10.25.35 576x1024 - Conecte SUS: como obter o certificado de vacinação contra a covid

O certificado é válido por um ano em todo o território nacional. Para quem já tomou duas doses do imunizante, ou a dose única da Jansen, a plataforma permite que o certificado seja emitido em português, inglês e espanhol.

A opção está na parte de cima, com a bandeira dos três países, ao lado do botão para gerar o PDF. Para quem tomou uma dose apenas, o aplicativo emite o certificado automaticamente em português, sem dar a opção de outros idiomas.

Quanto tempo demora para as informações da vacina constarem no Conecte SUS?

De acordo com o Ministério da Saúde, o comprovante de vacinação contra a Covid–19 deve estar disponível no aplicativo em até 10 dias após a data da aplicação. Caso isso não aconteça, o Ministério orienta o cidadão a procurar o local de vacinação ou Secretária Municipal de Saúde para solicitar o envio das informações para a Rede Nacional de Dados de Saúde (RNDS).

A orientação também vale para casos em que o cidadão detectar problemas nas informações do certificado, como erros nas datas de aplicação, local de aplicação ou na tradução para outros idiomas (o certificado está disponível em outros idiomas somente para quem tomou as duas doses ou a vacina de dose única).

Validade do certificado de vacinação emitido pelo Conecte SUS

O próprio Ministério da Saúde afirma que o certificado de vacinação emitido pelo Conecte SUS só tem validade em território nacional, mesmo oferecendo versões em inglês e espanhol: fica a critério de cada nação estrangeira decidir se aceitará ou não o documento brasileiro.

De acordo com reportagem da Agência Brasil, a “Aliança Covax, da Organização Mundial da Saúde (OMS), pediu, no início de julho, que todos os países em processo de abertura aceitem viajantes que forem imunizados com uma das seis vacinas aprovadas pela entidade. São elas: Janssen, da Johnson & Johnson; Covishield, da AstraZeneca; Coronavac, da Sinovac; e as vacinas da Pfizer, da Moderna e da Sinopharm” (Agência Brasil).

Ainda segundo a reportagem, “atualmente, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) emite um Certificado Internacional de Vacinação (CIVP) para viajantes, mas que abrange somente a febre amarela, doença para a qual já há acordos internacionais que regulamentam a certificação”.

Por esse motivo, o Ministério da Saúde recomenda sempre consultar as informações mais atualizadas junto à embaixada no país de destino antes de decidir viajar.

Ao mesmo tempo, o certificado de vacinação tende a ganhar cada vez mais relevância também no contexto nacional, à medida que estados e municípios anunciam a flexibilização de horários. “No Rio de Janeiro , por exemplo, a ideia é que a partir de setembro seja necessário comprovar a vacinação para participar de festas e eventos” (Viagem e Turismo).


Com informações de Agência Brasil; Viagem e Turismo e Guia Melhores Destinos.