2020 chegou e quem gosta de viajar tem muito o que comemorar: esse ano serão nove feriados nacionais “emendados” com final de semana: um na quinta feira, dois na terça, três na sexta e três na segunda.

Veja algumas dicas para se planejar e aproveitar ao máximo todos os feriadões.

Confira a lista completa dos feriados em 2020

  • 25 de fevereiro (terça-feira): Carnaval
  • 10 de abril (sexta-feira): Paixão de Cristo/Sexta-feira Santa
  • 21 de abril (terça-feira): Tiradentes;
  • 1º de maio (sexta-feira): Dia do Trabalhador;
  • 11 de junho (quinta-feira): Corpus Christi;
  • 7 de setembro (segunda-feira): Dia da Independência do Brasil;
  • 12 de outubro (segunda-feira): Dia de Nossa Senhora Aparecida;
  • 2 de novembro (segunda-feira): Finados;
  • 25 de dezembro (sexta-feira): Natal.

1. Comece planejando o seu orçamento

Parece básico mas muita gente ainda não faz um controle daquilo que ganha (salário, bônus, comissões) e as despesas regulares (aluguel, alimentação, transporte, lazer)… E o que isso tem haver com a sua viagem?

Bem, se você tem a sorte, ou possibilidade, de viajar nesses feriados, vai precisar estabelecer uma quantia de dinheiro para gastar. E isso deve incluir despesas com:

  • Passagens
  • Hospedagem
  • Alimentação
  • Passeios e atrativos locais

Daí a importancia de controlar a sua grana e principalmente juntar. Uma pessoa que guarda R$ 200 reais por mês para viajar, por exemplo, poderá gastar até R$ 2.400,00 o ano todo.

Além disso é importante ter alguma grana extra para imprevistos. Nunca se sabe quando você vai precisar gastar na farmácia ou comprar algo que não estava previsto. Mesmo que você leve o seu cartão de crédito junto é sempre bom lembrar que no mês seguinte os gastos virão na sua fatura.

2. Escolha os destinos

WorkTogether@1x - Em 2020 serão nove feriados prolongados - confira 4 dicas para você se organizar e viajar mais

Grana livre para viajar? Então é hora de escolher todos os lugares que você gostaria de visitar.

Como são poucos dias (no máximo quatro, para os feriados que emendam com uma segunda ou sexta-feira), o ideal é pensar em destinos próximos. De norte à sul do país o que não faltam são lugares maravilhosos para conhecer. Considere viajar para destinos na sua região ou mesmo no seu estado.

Além de destinos nacionais, vale considerar países vizinhos, como Argentina e Uruguai, que estão a poucas horas de avião.

Recentemente o Airbnb divulgou uma lista com os 20 melhores destinos para 2020. Confira aqui.

3. Saiba o momento certo para reservar – existe?

Quem viaja com frequência sabe: nem sempre é possível conseguir bons preços em feriados concorridos, principalmente para hospedagem e passagens.

A boa notícia é que dá pra conseguir condições melhores quando reservamos com antecedência. Quanto mais perto da viagem, e mais pessoas buscando, mais altos os preços ficam.

Mas, existe um momento ideal para reservar?

Na aviação, a posição geral da industria atualmente é a de que o momento ideal para comprar o bilhete é com ate 60 dias de antecedência para voos internacionais e entre 25 e 40 dias no caso dos voos nacionais. Mas isso não significa que você só deve pesquisar nesse período.

Na hotelaria, hotéis e pousadas costumam fechar pacotes fixos com números de dias – mas caso não lotem ou esgotem as acomodações, podem estar dispostos a fechar com números menores de diárias e preços mais baixos.

Aqui na Levarti, por exemplo, os clientes podem reservar seus passeios com até um ano de antecedência, contando com diversas agências e preços diferentes.

4. Use a tecnologia a seu favor

A tecnologia é uma grande aliada na hora planejar nossas viagens – não só daquelas tão sonhadas férias como também de viagens mais curtas, como essas do feriadão.

Hoje em dia temos à disposição centenas de sites, blogs de viagem e aplicativos que nos ajudam nas mais diversas situações. Você pode utilizar desde buscadores de preços para encontrar tarifas mais econômicas, reservar passeios online e até montar um roteiro completo da sua viagem com os principais pontos turísticos para visitar.

A maioria desses sites são gratuitos e sem dúvidas são uma mão na roda na hora de organizar aquela viagem.