Ouro Preto MG: 5 atividades indispensáveis para fazer na cidade

Ouro Preto MG: 5 atividades indispensáveis para fazer na cidade

Escrito por  Time Levarti| June 4, 2021 em  Minas Gerais

O que fazer em Ouro Preto? Ouro Preto possui um dos mais completos conjuntos de arte barroca do mundo, com obras presentes…

O que fazer em Ouro Preto? Ouro Preto possui um dos mais completos conjuntos de arte barroca do mundo, com obras presentes na arquitetura de inúmeras igrejas, esculturas, pinturas e casarões coloniais.

Assim, um dos principais atrativos de Ouro Preto é de fato, perambular pelas ruazinhas seculares atrás de conhecer toda a riqueza histórica que cada lugarzinho preserva. Arrisco a dizer que de todos os programas possíveis em Ouro Preto, esse é o que mais vai fazer você se apaixonar pela cidade (mesmo tendo que encarrar o sobe desce das ladeiras).

No entanto, não é só isso que mantêm os turistas entretidos em Ouro Preto. A cidade mais histórica de Minas Gerais está cheia de lugares especiais como mirantes naturais, parques, excelentes cafés e restaurantes para se deliciar com a culinária mineira e por fim, ótimas opções de passeios de um dia para fazer nas cidades vizinhas.

Mas em meio à tantas opções, principalmente para quem tem pouco tempo disponível, nada melhor do que contar com uma ajudinha na hora de planejar o roteiro, certo?! Sendo assim, listamos 5 atividades indispensáveis para você fazer em Ouro Preto MG. Aproveite!

Leia também:

8 passeios gratuitos para se fazer em Belo Horizonte

1. Percorrer as igrejas de Ouro Preto

Não há como falar sobre o que fazer em Ouro Preto sem mencionar suas belas igrejas. Afinal, nenhuma outra cidade histórica de Minas tem uma oferta tão grande (de igrejas) para apresentar. E não pense que elas são importantes somente por seu simbolismo religioso; pelo contrário. Muitas igrejas de Ouro Preto são verdadeiras obras de arte e magníficos exemplares da arquitetura colonial.

Entre as mais visitadas pelo público estão a Igreja de São Francisco de Assis, Igreja de Nossa Senhora do Carmo, Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos, Igreja de Santa Efigênia e por fim, a Igreja Matriz de Nossa Senhora do Pilar.

São ao todo 20 igrejas espalhadas pela cidade, portanto, o ideal é decidir antes quais incluir no roteiro. Fique atento ao horário de visitação, pois muitas das igrejas não têm horário regular para abrir, podem estar fechadas para restauração ou cobrar ingressos.

O QUE FAZER EM OURO PRETO: Vista da Igreja de São Francisco de Assis.
Vista da Igreja de São Francisco de Assis, Ouro Preto MG. Crédito obrigatório: Pedro Vilela/MTur
o que fazer em Ouro Preto: Fachada principal Igreja Nossa Senhora do Carmo.
Fachada principal Igreja Nossa Senhora do Carmo. Crédito obrigatório: Pedro Vilela/MTur
Igrejas de Ouro Preto: Igreja Matriz de Nossa Senhora do Pilar.
Fachada principal: Igreja Matriz de Nossa Senhora do Pilar. Crédito obrigatório: Pedro Vilela/MTur

2. Perambular pelo Centro Histórico de Ouro Preto

Não é nenhum exagero afirmar que Ouro Preto já é um grande museu à céu aberto. Mas ainda assim, existem diversos espaços na cidade dedicados à arte e à história da região. São museus que ajudam a compreender como Vila Rica se tornou Ouro Preto e também a grande influência da atividade mineradora, a religião e a escravidão tiveram sobre o desenvolvimento da região.

Arrisco a dizer que o mais importante de todos é o Museu da Inconfidência. Ele reúne documentos, mobiliários, obras de arte e peças da época; um importante acervo que ajuda a compreender o processo que culminou na independência do Brasil.

Outro exemplar importantíssimo é o Museu de Ciência e Técnica da Escola de Minas/ UFOPS, que explica como se desenvolveu a principal atividade comercial da cidade.

o que fazer em Ouro Preto: Fachada principal Museu da Inconfidência.
Fachada principal Museu da Inconfidência. Crédito obrigatório: Pedro Vilela/MTur
Museu de Ciência e Técnica da Escola de Minas/ UFOPS. Crédito obrigatório: Pedro Vilela/MTur

Já se o seu interesse for por obras sacras, o Museu Aleijadinho certamente deve estar em seu roteiro; afinal, lá estão algumas das mais importantes obras desse importante artista e inclusive, os restos mortas de Aleijadinho. Curioso, não?

Por fim, vale visitar também a Casa de Tomás Antônio Gonzaga, a Casa dos Contos e a Casa dos Inconfidentes, que funcionam como centros culturas e são ao mesmo tempo, importantes exemplares da arquitetura colonial na cidade.

Fachada principal Casa dos Contos. Crédito Obrigatório: Pedro Vilela/MTur
Interior da Casa dos Contos, Ouro Preto MG.
Interior da Casa dos Contos, Ouro Preto MG. Crédito obrigatório: Pedro Vilela/MTur

3. Visitar as minas de carvão

Entrada da Mina do Chico. Crédito obrigatório: Pedro Vilela/MTur
Entrada da Mina do Chico. Crédito obrigatório: Pedro Vilela/MTur

Um dos passeios mais tradicionais para se fazer em Ouro Preto é visitar algumas das antigas minas que existem por lá até hoje.

Algumas das minas mais populares para visitação estão localizadas no Centro Histórico de Ouro Preto, especialmente na região da Rua Chico Rei. Por lá, será possível conhecer a Mina do Chico Rei, a Mina Jejê, a Mina du Veloso e a Mina de Santa Rita. As visitas são muito semelhantes e no geral acontecem com uma visita guiada por dentro dos túneis de mineração. 

Para um passeio mais completo, sugerimos visitar a Mina da Passagem, situada na estrada que liga Ouro Preto e Mariana. Por lá, os turistas descem para os túneis em um carrinho que passa pelos antigos trilhos por onde eram retiradas as riquezas de Vila Rica. O passeio é mais interessante, mas o custo também é bem mais alto. O ingresso, por pessoa, é R$ 60.

Interior da Mina do Chico.
Interior da Mina do Chico. Crédito obrigatório: Pedro Vilela/MTur

4. Fazer um bate-volta até Mariana

Localizada a apenas 15 quilômetros de Ouro Preto, Mariana é outra cidade histórica mineira que certamente merece sua visita. Por lá, você também encontrará um impressionante conjunto arquitetônico com construções coloniais e muitas igrejas reunidas no bonito centro histórico.

Como a distância é curta, você pode ir de ônibus de linha, carro próprio ou até mesmo Uber. No entanto, há um transporte que pode deixar o passeio ainda mais especial: trem. Apesar de ser uma linha turística, a viagem certamente será mais divertida.

5. Visitar o Parque Estadual do Itacolomi

Entre as belezas naturais a serem visitadas nos arredores de Ouro Preto, a mais exuberante é o Parque Estadual do Itacolomi, marcado pela grande ponta da pedra na paissagem da cidade.

Durante o passeio, é possível conhecer a represa e o Mirante do Custódio; fazer as trilhas da capela, da lagoa e do forno; e visitar o pequeno Museu do Chá. Os turistas mais dispostos poderão agendar visitas guiadas ao Morro do Cachorro e ao Pico do Itacolomi, de onde se tem uma vista maravilhosa para a cidade de Ouro Preto. O parque é aberto à visitação de terça a domingo, das 8h às 17h.


Posts relacionados

Você também pode gostar

...
Dicas de Viagem
Por que todo mundo está indo conhecer Capitólio, Minas Gerais

September 28, 2021

Você conhece ou já ouvir falar de Capitólio? Localizada a cerca de 4h30 de Belo Horizonte, na região do Parque Nacional da…

Continue lendo
...
Minas Gerais
O que fazer em Monte Verde MG: 9 passeios que são imperdíveis

September 9, 2021

O que fazer em Monte Verde e quais os melhores passeios? Localizado na Serra da Mantiqueira, no sul de Minas Gerais, Monte…

Continue lendo
...
Minas Gerais
8 passeios gratuitos para se fazer em Belo Horizonte

June 1, 2021

Procurando o que fazer em Belo Horizonte? Repleta de atrativos como parques, museus, centros culturais, praças e mercados, invejável conjunto arquitetônico e…

Continue lendo
...
Minas Gerais
Tiradentes MG – Uma viagem pelo Brasil-colônia

October 11, 2019

Tiradentes MG é um daqueles destinos para quem procura por belos dias de descanso e muita tranqüilidade. A cidade é incrivelmente linda,…

Continue lendo

Dê asas a sua imaginação

Cadastre-se em nossa newsletter

Descubra experiências exclusivas, ideias de roteiros, tendências de viagem e muito mais.