Já pensou em receber descontos e benefícios especiais para visitar um país? Parece até um sonho, mas essa é a realidade – ao menos por enquanto – para viajantes que forem visitar países como Rússia, Itália, Japão e República Tcheca.

Com a paralização quase total do turismo ao redor do mundo, que chegou a amargar prejuízos na casa dos US$ 320 bilhões (quase R$ 1,7 trilhão), só de janeiro a março deste ano, alguns países vem oferecendo incentivos para aumentar o turismo doméstico. Entre eles, conceder noites grátis em hotéis ou descontos em dinheiro.

Confira a lista desses países e os respectivos benefícios de viagem.

Russia

Na Rússia, o governo vai pagar parte das viagens de quem escolher passar as férias dentro do país neste ano. Russos que comprarem pacotes de viagem de pelo menos cinco noites, custando a partir de 25 mil rublos (R$ 1.807), terão direito a um reembolso de até 15 mil rublos (R$ 1.084).

A campanha só vale para cidadãos russos e brasileiros não são permitidos no país neste momento.

Itália

Já na Itália, há uma campanha específica para a região de Palermo, válida para todas as pessoas que desembarcarem no aeroporto local – italianas ou estrangeiras.

Reservando pelo menos quatro noites em um hotel nas proximidades, o viajante terá uma noite grátis. Mas atenção: para ter direito ao desconto é preciso reservar o hotel no site especial do aeroporto de Palermo e informar o número do bilhete do voo.

Há ainda uma ação especial do governo apenas para os italianos que forem viajar dentro do país. É um voucher de 150 euros (R$935 reais) por pessoa, para ser gasto em hospedagem – famílias podem ganhar até 500 euros (R$ 3.118) no total.

A Itália abriu suas fronteiras para viajantes europeus, mas turistas brasileiros ainda não são permitidos no país.

Japão

O Japão lançou uma ação que paga metade dos gastos diários em viagens dentro do seu território, com o limite de 20 mil ienes (R$ 1.000) por pessoa por dia. Para viagens que não incluam pernoite, é possível conseguir um desconto de até 10 mil ienes (R$ 500).

A Região de Tóquio e seus habitantes, estão excluídos da ação – por conta do crescente número de novos casos de Covid-19.

República Tcheca

No último país da nossa lista, a República Tcheca, visitantes terão acesso a vouchers no valor equivalente a US$ 17 (R$ 90) a cada pernoite na cidade, com um limite de quatro noites, para serem gastos em atrações culturais, como museus e monumentos.

A expectativa é que a iniciativa vá até o final de setembro deste ano. Viajantes brasileiros não são permitidos no país.